segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

Escolha o Que Te Faz Feliz

Eu sempre soube o que eu queria ser quando crescesse. E não, a resposta não era grande. Sempre quis ser cantora, a música sempre foi e sempre será minha paixão. Mas, conforme eu fui crescendo, percebi que as coisas eram um pouco diferentes do que eu tinha imaginado. 

Família, amigos, professores sempre banalizavam a área artística, alegando ser impossível obter o sucesso na carreira. O que era irônico, já que, todos ali eram fãs de alguém nesse meio.

Então, eu nunca falei sobre isso, sobre esse meu sonho. Quando eu entrei no Ensino Médio, começou aquela pressão pela escolha da profissão e eu vi que todos haviam se dividido em diferentes áreas: Exatas, Humanas e Biológicas. 

Nunca me dei bem com cálculos e até gostava de Biologia, mas não era pra mim. Humanas foi o mais próximo que eu cheguei. Sempre gostei de escrever, então quando me perguntavam, eu dizia que faria Jornalismo.

Novamente, todos criticavam a carreira e repetiam que NINGUÉM obteria sucesso no meio. De novo? Será que eu era tão sortuda assim pra sempre escolher uma carreira que as chances eram zero de sucesso? Então, eu resolvi pesquisar. 

Vidas de pessoas bem-sucedidas e as diversas carreiras que elas seguiram. E eu descobri algo que serviria para que eu não ouvisse mais ninguém, apenas o que eu sentia e o que EU queria.

Descobri que o Sucesso, essa palavra que tanta gente gosta de usar, mas que quase ninguém sabe o que significa, é subjetivo. Isso mesmo! Para mim, ser bem-sucedida pode ser fazer o que eu gosto e ser feliz com isso. Para outros, ter sucesso pode ser ganhar dinheiro. Não vou negar, ele é importante, estaria mentindo se falasse o contrário. 

Acontece, que ele não é o essencial. Dinheiro não traz felicidade, mas sim conforto e segurança. E o que eu realmente vejo agora é que quando você realmente gosta do que você faz, você vai ser bem-sucedido, vai crescer. 

Sabe, por que? Porque você está fazendo algo com paixão, está dando tudo de si, e quando isso acontece, o que você faz deixa de ser trabalho.

Todas aquelas pessoas que sempre criticam as escolhas alheias, estão ansiosas para que você também desista do que sempre sonhou. Já que elas fizeram o mesmo e se sentiram vítimas da vida. 

São essas pessoas que reclamam do trabalho e que não o fazem bem feito. É como um ciclo, elas não obtiveram sucesso e para se sentirem melhor, esperam que o outro também não o obtenha.

Esse ano, entrei na faculdade. E admito, não era o que eu sonhava. Entrei por estar sem condições para fazer o que eu queria e como consegui passar numa pública, foi a melhor saída. Mas, não pensem que eu desisti dos meus sonhos. Eles estão mais vivos do que antes. E eu estou numa maratona, correndo atrás deles.

Se você está passando ou vai passar por isso, apenas te dou um conselho. Não tente fazer as pessoas felizes, porque alguém sempre irá te criticar. Tente fazer você feliz, porque as pessoas que realmente gostam de você, vão te apoiar ao ver o seu Sucesso. 

E quando ele chegar, você vai se orgulhar de ter se esforçado tanto, e não estará exausto. Afinal, você irá ter alcançado aquilo que sempre sonhou.

Texto: Carol Chagas
Foto: We Heart It

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pode comentar que eu não mordo :P

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...