Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2019

o mesmo não é mais quem ele dizia ser.

Vestindo as lentes da verdade da vez, eu consigo ver.


Dessa vez, a claridade não me assusta. Não estou no ponto mais elevado do céu, mas daqui é possível perceber o rumo que as coisas estão tomando.
A vista é diferente. a mesma gente usa roupas diferentes e o sentimento é outro.


Quase dá pra sentir o frescor no ar. Estamos na mira do verão e além do suor e da saliva, não se sabe muito bem o que esperar.


Os caminhos parecem sinuosos o bastante para tentarmos percorrê-los. e apesar dos temores, a vontade de dar cada passo parece maior que o medo de se perder.

Já sabemos que vai acontecer. É só olhar para os lados e perguntar para os moradores. Todos já sabem que na próxima estação, nós não seremos nós e não estaremos aqui.
Voltaremos outros vestidos com as mesmas capas brilhantes que sempre nos protegeram.

Dentro é seguro e a gente consegue enxergar o que é que o lá fora esconde.

A chuva de verão não vai nos molhar o bastante.
Não mergulharemos no mar o suficiente para cobrirmos nossos anseios.
N…

não deixe o tesão morrer.

se tem uma coisa que eu procuro é sentir tesão nas coisas que eu faço. e quando falta, é tipo um relacionamento sem química: não vai pra frente. eu sou a rainha dos projetos paralelos. posso te mostrar uma lista de tudo que já passou pela minha cabeça e me fez acordar cedo e dormir tarde.
de tempos em tempos, chega uma ideia. e geralmente, eu abro a porta, deixo entrar, chamo pra comer brigadeiro e ver um filme. deixo ela se instalar aos poucos e, quando vejo, fui conquistada. se apaixonar por gente é muito bom, mas se apaixonar por ideias é uma delícia.
é como se encantar com uma versão tua que ainda não existe. é se descobrir bem aos pouquinhos. e descobrir é uma das minhas grandes paixões.
só que como o tempo abrevia tudo que existe nessa vida, não seria diferente aqui também. sou tão obstinada quanto instável, da mesma forma que mergulho, quando dou por mim, já não aguento mais ficar na água. é o preço da intensidade, meus amigos.
da mesma maneira que a gente precisa construir quando …