Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2019

E se esse tudo não for o bastante?

Não sei direito o que pensar e o que dizer. Olhando rápido, parece que a vida tá suspensa. As coisas parecem ter perdido seu movimento habitual. Algumas se atropelaram, outras caminharam para trás como quem tenta voltar pra casa no sentido inverso. 
Uma porção de flashes é disparada até mim volta e meia na cozinha quando lavo a roupa acumulada de tantos dias que já nem tenho mais o que vestir, enquanto me pergunto de quem é a sombrinha vermelha esquecida na mesa de casa. 
Algumas mensagens inapropriadas chegam até mim como quem não quer nada e se demoram dentro da minha cabeça. Eu que já mudei tanto, por vezes retorno ao mesmo lugar. Num segundo, sou dona de mim e me percebo como criadora de muita coisa que acontece ao meu redor. Noutro, não sei o que estou fazendo ou o que estava pensando ao fazer tantos planos. 
É como Rachel Green, de Friends, e tantas outras pessoas que foram programadas por muito tempo pra fazer uma determinada coisa - no caso dela, casar - e quando o dia em si cheg…

04:12.

Tentei te dizer tantas palavras que hoje se perderam no céu da minha boca.
Mudei de ideia e me inventei como um personagem que troca de cenário a cada cena escolhida. 
Encolhi meus braços até perder de vista aquilo que um dia imaginei querer.
Procurei ser alguém que não sou com a desculpa de me procurar em cada canto impensável.
Queria ter me aberto de dentro pra fora sem esconder o marca-página na gaveta mais próxima.
Me perdi ao trocar de pele conforme a música mudava.
Desisti de ser tudo aquilo que não sou pra facilitar as coisas.
Decidi sentir cada parte minha sem fugir do desconforto para testar meu reflexo no espelho.
Tenho um mundo dentro de mim que espera, aceita e respira.
E que, pela primeira vez, não teme a vida.
Anseia pela dor, pelo amor, pelos prazeres e desprazeres, pela frustração, por tudo aquilo que atravesse o calor entre a pele e a alma.
Prometo não fugir quando a vida me encontrar.
E se ela tentar me revirar, eu vou deixar. -----------------------------------------------------…

5 coisas que você pode fazer pela sua saúde mental.

Não sou psicóloga, terapeuta ou qualquer outra especialista no assunto. Sou humana e dou meus pitacos conforme o que dá certo comigo. Como que num exercício terapêutico, listei coisas que me traziam um pouco mais de paz nos dias em que não estou lá muito sã. Decidi compartilhar porque vai que isso te ajuda também. 
Quando criança eu odiava. Não fazia sentido arrumar uma coisa que eu ia desarrumar pouco tempo depois. E por esse lado, eu estou certa. Mas nos dias mais difíceis e improdutivos, arrumar a cama é tudo que eu tenho. 

Se alguma coisa der errado, pelo menos eu consegui arrumar a minha cama. Também penso na louça desse jeitinho. Às vezes uma pequena coisa que eu faço pela minha casa acaba sendo grande no meu dia.
Não consigo dormir cedo, beliscar uma frutinha, meditar por dez minutos, tomar dois litros de água, comer vegetais, me alongar e tomar café da manhã reforçado todos os dias. Às vezes me atrapalho com o tempo, às vezes o cansaço me vence e eu desisto. 

Mas mesmo que eu não …

(Nó)s.

Nunca escrevi sobre nós.

Já escrevi sobre você. E infinitas vezes sobre mim mesma quando te pensava como escolha certa. 

Mas nunca senti segurança o suficiente pra escrever sobre o que deixamos de ter. Você me plantou dúvidas desde o início e eu acabei nunca acreditando em nada que pudesse surgir dali. Passei tempos desconsiderando o que eu sentia. Mandando o frio na barriga calar a boca e o sorriso que involuntariamente aparecia quando você chegava ir embora. 

De meses em meses, nos conhecíamos de volta. Mas sempre fiz questão de me lembrar que só éramos troca naquele momento. Eu repetia pra mim mesma e para quem perguntasse "somos apenas amigos". Mas hoje confesso, no fundo nunca foi assim pra mim. 

Você sempre foi possibilidade. Eu costumava achar que era o timing, hoje vejo que é a gente mesmo. Somos opostos complementares e eu não tô falando de signo. Pela primeira vez, tô falando de você e de mim, num mesmo texto. 

Na minha cabeça, nós somos espelhos um do outro. Você não …

O "ainda" preso em linhas.

é uma linha.
elástica, mas com pouco retorno.
ela pode ter propulsão e ser atirada. mas ainda vai ser uma linha.
não há como exigir que algo seja de uma forma diferente do que se é.
nem todos os materiais podem ser controlados, como você controla a propriedade química do seu corpo. 
sua vontade pode ser reprimida, mas ela ainda vai gritar em você. mesmo que em silêncio.
as borboletas vão aparecer. vão te tocar e avisar.
você não pode se decepcionar com uma linha se aceitá-la como a mesma realmente é.
é tudo tão passageiro. os conflitos tão mundanos.
que vida apagada seria a sua se você se chateasse porque uma linha te acertou.
talvez seja seu ponto fraco. e seja a estação em que o vazio grite mais alto.
mas ainda é só uma linha.
às vezes machuca e é mal calculada.
mas você consegue ver de longe? um ponto fora da rota não desfaz uma curva.
um corte sim. ele destrói linha, agulha e todo e qualquer pedaço de vida que existir por aí.
se afaste pra enxergar, mas volte pra reconstruir. --------------------…