quinta-feira, 29 de maio de 2014

TOP 5: Bruxas do Cinema

Oi, gente. Essa semana estreou Malévola, um dos filmes mais esperados do ano, que mostra a história não contada da bruxa que envenenou Aurora (princesa de A Bela Adormecida), uma das maiores vilãs dos contos infantis. E pelo que eu vi do trailera adaptação promete. Isso me faz lembrar de uma coisa: da importância dos vilões.

Particularmente, eles são meus personagens favoritos. Com suas mentes complexas, que rendem ótimas histórias, e que querendo ou não, se aproximam mais de nós, do que os próprios mocinhos. 

Acredito que a imperfeição é mais interessante que a perfeição. Inspirada por essa onda de vilões, fiz uma lista com algumas das "vilãs" mais legais do cinema. Espero que vocês gostem MUAHAHA (Risada maquiavélica sqn hehe).

Rainha Vermelha/Rainha de Copas - Alice no País das Maravilhas
No filme, a Rainha Vermelha e a Rainha de Copas foram fundidas em uma só personagem. Na história, ela destrona sua irmã mais nova (Rainha Branca) e governa com tirania o reino, além de gritar para que as cabeças das pessoas sejam cortadas. 

Com muitos problemas emocionais, uma curta paciência, e muita raiva, a Rainha de Copas é uma das personagens mais complexas que eu já vi. E vocês devem ter percebido que Alice no País das Maravilhas é uma das minhas histórias favoritas né? haha.

Rainha Ravenna - Branca de Neve e o Caçador
Parece Branca de Neve da Disney, mas não é. O filme foi inspirado na verdadeira história dos irmãos Grimm. A Rainha Ravenna governa o reino com tirania, após roubá-lo de sua enteada (Branca de Neve). 

O legal dessa adaptação, é que mesmo a Rainha se preocupando com a beleza de Branca (por ela ser a mais bonita do reino), esta não é a maior causa de seu ódio. Ravenna também disputa poder e o controle do reino. Uma bruxa pra lá de sádica, gente.

Cruella De Vill - 101 Dálmatas/102 Dálmatas
Uma das vilãs mais autênticas do Cinema. Bom, Cruella queria matar todos os dálmatas (ok, ela tem sérios problemas), para fazer casacos de pele. Uma personagem egocêntrica, que sempre surgia com novos planos, que (felizmente) davam errado. 

O ruim é que só vemos a parte, onde ela faz suas maldades, mas há tanto sobre ela que não é contado. Só eu que adoraria um filme sobre a história dela? Que tal, Disney?

A Bruxa do Oeste - O Mágico de Oz
Essa é uma das bruxas mais icônicas de todos os tempos. Na primeira versão do cinema (1939), a Bruxa do Oeste atrapalha Dorothy e seus amigos, com suas maldades. Ps: Ela é bem mais ameaçadora no filme, do que no livro. 

Mas pra quem assiste Once Upon a Time, também podemos ver uma outra variável dessa bruxa. Desta vez, ela é linda, mas igualmente má. Na série, vemos mais do que apenas suas maldades, também conhecemos sua história. 

Ursula e Morgana - A Pequena Sereia/A Pequena Sereia 2
As duas são bruxas e irmãs. Porém, não chegam a aparecer no mesmo filme. Ursula participa do primeiro filme e tenta roubar o tritão do Rei dos Mares e ainda enfeitiça Ariel. Já Morgana, ataca a filha de Ariel, alguns aninhos depois no segundo filme. 

Adoro o visual das duas bruxas, e também suas maldades. Pequena Sereia é um dos meus desenhos favoritos <3 Ah, e vocês ficaram sabendo que o filme terá uma adaptação nos cinemas com atores reais?

E aí gostaram? É claro que existem vários vilões incríveis, estes foram apenas alguns pra mostrar o quanto eles são importantes para as histórias. E aí, qual é o seu vilão favorito?

Foto: Google Imagens

quarta-feira, 28 de maio de 2014

Playlist da Semana

Foto: We Heart It
Oi, galera. As férias estão chegando (Ufa!), e com elas vou poder me dedicar 100% ao blog. Como vocês puderam perceber, estou fazendo menos posts do que antes, mas é devido ás provas e trabalhos. Final de semestre, né? Mas mesmo com essa correria, eu não poderia deixar de fazer a Playlist da Semana <3. 

Reservei um tempo especial para conhecer novas músicas (tem algumas velhas também que ressurgiram) e montar uma listinha pra vocês. A minha vontade era montar uma lista bem country, porque estou nessa vibe hehe, porém encontrei artistas como Jessie James (que tem uma voz muito linda!) e Kaiser Chiefs (Conheci essa semana) que conquistaram seus lugares. 

Só uma coisa. Sabia que já se passaram vinte e duas semanas de 2014? Pois é. Contando assim, até assusta. Mas e aí, as suas 22 semanas valeram a pena?


Ingrid Michaelson - Turn To Stone
Phillip Phillips - Fly
Birdy - Skinny Love
Kellie Pickler - Someone Somewhere Tonight
Kaiser Chiefs - Meanwhile Up In Heaven
Cher Lloyd - M.F.P.O.T.Y.
Glee - Yesterday (Cover of Beatles)
Jessie James - Inevitable
Tem alguma indicação de música? Me mande nos comentários ou no twitter do blog.

terça-feira, 27 de maio de 2014

Mudar é Preciso.

Mudanças são complexas. Tiram o seu chão, tapete, e dependendo, até o seu teto. Quando não são repentinas, agem como ondas na ressalva, desconstruindo aos poucos. Sinceramente, não sei qual é a mais destruidora.

Sou daquelas pessoas que adora mudanças, por mais difíceis que sejam. Mudar nos faz crescer, evoluir. Mas algumas vezes, a dificuldade não está em mudar, mas acompanhar essas mudanças.

Existem momentos em nossas vidas, que simplesmente temos que parar tudo o que estamos fazendo, para acompanhar o que está acontecendo. Principalmente, quando diversas mudanças ocorrem ao mesmo tempo.

A gente fica meio sem fôlego com tantas coisas, ciclos novos, que dá até uma pontinha (ou um iceberg) de nostalgia.  Mas, o mais difícil ainda é identificar se NÓS precisamos mudar. Nossa maneira de pensar, agir. Porque quando a mudança não ocorre por parte do universo em si, ela precisa partir de nós mesmos.

Pode ser meio complicado nos olharmos no espelho, e enxergarmos além de todos os muros que construímos. Mas, precisamos fazer um esforço extra. Quebrar alguns padrões. Encerrar ciclos. Buscar o lado bom de todas as situações. Sejam elas boas ou ruins.

Porque são elas que te fazem evoluir.  Por mais que doa, ou incomode. Mudança traz um ar novo e puro, que te acolhe de braços abertos. E não te sufoca. Apenas te dá força para continuar, e ir para o próximo nível. Até que você precise mudar novamente. 

Texto: Carol Chagas
Foto: We Heart It

domingo, 25 de maio de 2014

Filmes Mind Blowing

Fotos: Google Imagens
Oi, galera. Esse fim de semana fez muito frio (<3) em grande parte do Brasil (creio eu). E uma coisa que eu simplesmente amo fazer com esse tempo, é assistir filmes haha. Acredito que muita gente pense como eu. Então resolvi fazer uma lista com filmes Mind Blowing. Eu explico. 

A tradução literal da palavra Mind Blowing significa sopro da mente. Mas, o significado pode ser interpretado como uma sensação que vai além da confusão, te deixa de boca aberta, e faz com que você sinta algo que não pode explicar. 

É como descobrir um mistério, ou algo que você tem que parar para entender e que mesmo depois do fim da história, você continua pensando naquilo. E é isso que esses filmes têm em comum, todos da lista trazem essa confusão kk, o que faz com que valham muito a pena serem vistos. Espero que vocês gostem (:


A Origem
O filme se passa num mundo onde é possível entrar na mente humana. E Cobb (Leornado Di Caprio) é um dos melhores em usar suas habilidades para roubar segredos das pessoas, entrando nos sonhos delas. Não vou contar mais nada, apenas que, esse é um dos melhores filmes que eu já vi. 

A história te prende do início ao fim, primeiro ao explicar como funciona essa ciência do sonho, e depois ao decorrer da trama. Além disso, os efeitos visuais e a escolha dos atores foi impecável. Ah, depois me conta o que você entendeu do final haha.

Efeito Borboleta
Muita gente já viu esse filme, mas recomendo que você veja pelo menos três vezes. Toda vez que eu assisto, descubro uma coisa nova. Na história, Evan (Ashton Kutcher) é um jovem que luta para esquecer fatos de sua infância. 

Para tanto, ele decide realizar uma regressão onde volta também fisicamente ao seu corpo de criança, tendo condições de alterar seu próprio passado. Porém, ao tentar consertar seus antigos problemas ele termina por criar novos, já que toda mudança que realiza gera consequências em seu futuro. Eu recomendo que você também veja os finais alternativos


Déjà Vu
Eu adoro o Densel Washington! Por ele ser um grande ator e pelos incríveis papeis que ele escolhe. E esse filme em especial, é incrível. Sempre que tenho a oportunidade, revejo-o. Na história, Densel é Doug Carlin, que trabalha para a Agência do Tabaco, Álcool e Armas de Fogo. 

Ele é chamado para recuperar provas após a explosão de uma bomba em uma balsa localizada em Nova Orleans, quando descobre que aquilo que a maioria das pessoas acredita estar apenas em sua mente é bem mais poderoso do que se imagina. 

Ele encontra então um meio de viajar no tempo, o que possibilita que evite que a explosão ocorra. A maneira como as coisas se encaixam sempre me deixa de boca aberta (blow my mind), e acredito que isto ocorra com você também.

A Casa do Lago
Esse parece ser um daqueles filmes bem água com açúcar. Mas não se engane, a história é bem melhor do que aparenta ser. Kate (Sandra Bullock) morava em uma casa perto de um lago, mas quando se muda, resolve deixar uma carta para o próximo morador, lhe desejando uma boa estadia. 

E é aí que ela conhece Alex (Keanus Reeves), que lhe diz que ninguém morou na casa por anos. O que acontece, é que os dois estão separados pelo tempo de dois anos. Ela vive em 2006, ele vive em 2004. A questão é: como eles vão se encontrar? Só assistindo pra ver haha. É uma história que surpreende muito, tenho certeza que você vai adorar.

Truque de Mestre
Confesso que esperava mais, deve ter sido porque adorei o trailer. Mas, a história em si é boa, você vai descobrindo a trama aos poucos, mas ainda assim senti falta do "algo mais". O que impressiona são as teorias por trás do filme. Recomendo que você pesquise após vê-lo. 

Daniel Atlas (Jesse Eisenberg) é o líder do grupo de ilusionistas chamado Os Quatro Cavaleiros. O que poucos sabem é que, enquanto encanta o público com suas mágicas sob o palco, o grupo também rouba bancos em outro continente. 

Estes crimes fazem com que o agente do FBI Dylan Hobbs (Mark Ruffalo) esteja determinado a capturá-los de qualquer jeito, ainda mais após o grupo anunciar que em breve fará seu assalto mais audacioso. O final te faz pensar que haverá uma sequência, mas por enquanto não há nada sobre o assunto.


E aí gostaram da lista? Já tinham assistido a algum dos filmes? 

sexta-feira, 23 de maio de 2014

Campanhas Sociais

Fotos: Google Imagens
Oi, gente. Gostei muito de escrever o último texto (aquele sobre sociedade) aqui. Não sei se você leu, mas eu falei muito sobre política e sobre como as pessoas deveriam se importar mais com o lugar que vivem. Bom, achei alguns vídeos que também mostram como é importante fazermos parte de algo, ajudarmos. 

Seja para proteger e ajudar crianças, ou lutar contra a violência à mulher. Se importar com alguém que não seja você por um minuto, pode fazer a diferença. Alguns dos vídeos são comerciais, outros são campanhas sociais mesmo. Espero que vocês gostem ;)

No Child For Sale
A World Vision fez vários comerciais pra mostrar o contraste da realidade entre crianças que recebem amor, carinho, cuidados, daquelas que são vendidas e estão expostas a diversos riscos. O vídeo faz um ótimo paralelo entre esses dois mundos, e traz muita reflexão sobre o assunto.

Mensagens de Ninar
Esse projeto consiste em na doação de leituras de histórias infantis realizadas por voluntários via celular. Nem preciso dizer que achei incrível.


Coca-Cola Fair Play Machines
Bom, a Coca-Cola instalou uma máquina em Milão, de cada lado da arena de um estádio de futebol. Onde você não pode comprar uma Coca-Cola para si, apenas para o torcedor do time rival ao seu. Achei a proposta interessante, já que tanta gente briga por causa de times.

Anúncio Interativo
Este é um anúncio interativo de uma revista digital. Te aconselho a ver o vídeo, pra ficar mais simples de entender. Ao encostar na modelo para ir à próxima página da revista, esbarramos no vestido dela, que cai, e enquanto não arrumamos sua roupa, não passamos para próxima página. Achei a proposta legal e diferente de outras do mesmo tema, digamos que esta chame mais a atenção.

Troco Coletivo
Essa campanha foi desenvolvida no Rio Grande do Sul, que tem como objetivo, integrar a sociedade. Como? Assista ao vídeo. 

E aí o que acharam? Digam nos comentários ;)

quinta-feira, 22 de maio de 2014

Rachel Baran

Eu adoro fotografia. E adoro mais ainda quando encontro algum trabalho incrível. Encontrei esses dias a Rachel Baran na internet. Ela é uma fotógrafa americana, de apenas 20 anos de idade. Você pode se surpreender com sua idade, mas garanto que o trabalho dela é que deixa qualquer um boquiaberto. 

Suas fotografias são surreais e obscuras. Ela utiliza o subconsciente como inspiração para que seu trabalho fique original. Selecionei minhas fotos favoritas de seus trabalhos. Espero que vocês gostem.


E aí gostaram?

Fotos: Rachel Baran

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Playlist da Semana: Futuro

Foto: We Heart It
Você se preocupa com o futuro? Ou melhor, você sabe o que quer fazer com ele? Eu tenho alguns sonhos, mas estou meio perdida no caminho. Acho que com todo mundo é assim, né? Estamos sempre procurando "o algo mais". 

Aquilo que achamos que seja o ideal para nós. Mas, nem sempre é tão fácil assim. Não é como se tivéssemos um mapa de tudo. Temos que andar ás cegas nessa descoberta.

Mas, acho que essa é a graça. Caminhos difíceis te levam longe e te deixam mais fortes. Eu sempre procuro pensar que quando um desafio aparece em nossa vida, é porque o universo sabe que somos capazes de superá-lo. 

Mesmo que isso não seja verdade, só o fato de ter esse pensamento comigo, já me traz mais tranquilidade. Bom, se você também está com dúvidas á respeito do seu futuro, vai amar essa Playlist tão perdida quanto eu. Ouve aí!

Pequeno John - Além das Flores

Prides - Messiah

John Legend - You & I

Sam Smith - Stay With Me

James Blunt - Postcards

Lifehouse - Whatever it Takes

The Wind and The Wave - It's a Longer Road to California

Kara Leslie - I'll Try Anything Once (Cover Strokes)
Tem alguma indicação de música? Me mande nos comentários ou no twitter do blog.

segunda-feira, 19 de maio de 2014

Você Pode Mudar o Mundo

Você se preocupa com o lugar que você vive? Pode ser com sua casa, cidade ou até mesmo com o seu país. Você liga para o que acontece? Eu sempre me interessei muito por causas sociais, mesmo aquelas que não estavam acontecendo perto de mim. Se interessar e entender um problema é importante. Mas, fazer algo para ajudar ou mudar a situação é mais importante ainda.

Muita gente diz que não gosta de política e que todo político é corrupto. Antes de tudo, vamos parar de generalizar. Nem TODO político é assim, apesar de muitas evidências mostrarem o contrário. Se o nosso país está um verdadeiro caos, é porque as pessoas pararam de prestar atenção nele. Eu explico.

A nossa educação está uma merda. Isso é fato, tanto escolas públicas quanto particulares estão indo de mal a pior. É rara uma escola que dê uma atenção especial á cidadania, e que faça os estudantes entenderem o que se passa na economia, no governo e com as leis do país. Em geral, ouvimos reclamações de muita gente.

Mas, o que falta é conhecimento. Informação temos de sobra, mas ninguém quer realmente parar para ler e entender os nossos direitos e deveres. Essa é a razão de termos políticos corruptos. Eles sabem que nós não estamos nem um pouco preocupados, com o que eles estão fazendo. Então, eles aproveitam.

Desviam dinheiro público, e ainda um extra: Param de investir na educação, para que as futuras gerações também não questionem seus atos. Dão bolsas famílias, e criam falsas leis que "ajudam" o cidadão. E pagam a mídia, para que ela nos distraia e nos manipule, fazendo-nos pensar que vivemos em uma democracia, somos livres e FELIZES.

Entendeu a ironia? Se você vê algo de errado em sua cidade, reclame. Mas não pare por aí. Leia mais sobre o assunto, entenda quais são as funções de prefeitos e vereadores, para que VOCÊ e todos os cidadãos possam cobrá-los. 

Una sua comunidade e leve os problemas aos responsáveis. Vote (se você já vota) em políticos menos piores. Lute pela mudança. Não espere que ela chegue até você. Faça acontecer.  Só assim, poderemos viver em um lugar melhor. E nos orgulharmos de uma pátria mais digna e justa.

Texto: Carol Chagas
Foto: We Heart It

sábado, 17 de maio de 2014

Séries: Semana de Season Finale

Oi, gente. Bom, essa semana foi cheia de emoções para os adoradores de séries. Nos Estados Unidos, ocorreu o que chamamos de Season Finale, onde praticamente todas as séries terminam a temporada. 

O último episódio é sempre muito aguardado, assim como temido, já que depois dele, os fãs precisam ter paciência, e esperar por looongos hiatos. É quase como ser escravo de uma história. 

Por que eu estou falando isso? Decidi fazer um resuminho do que achei, dos últimos episódios, de duas séries que eu adoro: The Vampire Diaries e Once Upon a Time. É lógico que várias séries, também tiveram suas temporadas terminadas essa semana, mas com a minha falta de tempo, estou meio atrasada nos episódios, e ainda não cheguei no final das outras.

---------------------------------Alerta de Spoiler---------------------------------

The Vampire Diaries
Se você me acompanha no twitter, sabe que eu sou viciada na série e sempre comento o que achei dos episódios. E com a Season Finale não seria diferente. No episódio anterior, o viajante que habitava o corpo do Tyler havia matado Stefan. 

E nesse episódio, o resto da turma cria um plano para Stefan, Enzo e uma loooonga lista de pessoas que estavam presas do outro lado pudessem voltar, antes que fossem engolidos pelo nada.
Ok, mas como? Fiquei admirada (como sempre) com os planos criados, os escritores deveriam investir mais nisso, do que em milhões de cópias e pessoas diferentes habitando o corpo dos personagens. Bom, quanto ao plano. 

Como o feitiço feito pelos viajantes, só funcionou em Mystic Falls, qualquer ser sobrenatural que atravesse a fronteira, perderá a magia, ou morrerá (se o ser já morreu, e foi salvo pela mágica). 

Então, eles decidem atrair os viajantes para um determinado lugar (o Grill), e criam ali uma espécie de campo minado. Já que eles "furaram" tubos subterrâneos que passavam ao redor do lugar, para que vazasse gás. 

Por fim, alguém teria que "disparar" a bomba, ser o gatilho, para que o bar explodisse e todos os viajantes ali morressem. Já que este seria o único jeito de fazer o feitiço para trazer de volta as pessoas, Damon e Elena a dispararam, e após suas mortes, todos estavam do outro lado. 
É engraçado como os autores dão pistas sobre o que irá acontecer no episódio inteiro. Bonnie não pode sobreviver a tantas pessoas passando por ela, ou seja, há um limite. Enquanto que Damon demora para aparecer e para se reunir com os outros. 

Já sendo de praxe, em todos os últimos episódios, temos convidados muito especiais: Lexi e Alaric <3. Bom, resumindo pra caramba, aos poucos todos vão passando por Bonnie, e chegam em segurança. 

Lexi escolhe não ir, pois percebe que Bonnie aguentaria poucas pessoas passando por ela, e resolve dar a oportunidade para Damon (que ainda não havia encontrado Bonnie), além de fazer com que Markos vá embora de uma vez por todas! 

Luke teme que sua irmã (Liv) não consiga sobreviver, e interrompe seu feitiço. Damon encontra Bonnie e tenta voltar. Mas o que acontece? Isso mesmo! Ele fica preso do outro lado.
TVD só conseguiu me fazer chorar duas vezes: No último episódio da 2ª temporada, quando Damon iria morrer porque Tyler o havia mordido, e nesse último episódio da 5ª. A questão é que eu sou Team Damon. Respeitem minha escolha, gente. Gosto de Stelena e Delena. 

Mas, o personagem com quem eu realmente me importo e me identifico é o Damon. Ele representa a melhor evolução de personagem da série, e talvez a mais real. Com conflitos, dúvidas, insegurança e erros. E quando ele se despede de Elena, e eu vejo Stefan sofrendo pelo irmão, só me resta chorar! Oremos para que Julie o traga de volta. 
O episódio termina com Bonnie e Damon sendo engolidos pelo nada. E essa cena foi incrível, mesmo sendo simples. Ela foi cheia de significados. Durante toda a série, vimos como Bonnie e Damon não se toleravam. 

Quando ela era bruxa, ele a usava e sempre a coloca como última posição, e ela o odiava por ser um egoísta arrogante. E tão diferentes como são, os dois "acabaram" da mesma maneira, juntos. E você que começou a shipar os dois como casal, pare. É nojento! 

Os dois representam como todos nós somos tão iguais e insignificantes perante o universo. Você pode ter um inimigo durante a vida inteira, mas a situação e a perspectiva mudam quando esta pessoa é a única coisa que você tem. 

Apesar de rolarem lágrimas (snif!) pela morte de Damon e Bonnie, o final não poderia ter sido melhor. Agora estou curiosa para ver, como a história continuará, e o que mudará. Status: Aguardando a última temporada da série.

Once Upon a Time
Ah, a terra dos finais felizes! Sqn. Bom, Once Upon a Time me surpreendeu ao ter um Season Finale com dois episódios exibidos seguidos, o que deixou qualquer fã sorrindo á toa haha. Bom, Emma e Hook são sugados por um portal para o passado. Especificamente para a Floresta Encantada, para quando seus pais se conheceram. 
Preciso dizer que achei a ideia genial. O desenrolar da história é melhor ainda. Emma acaba alterando o passado, ao interromper o momento que Branca de Neve e Príncipe Encantado se conhecem. Levando o futuro a um rumo totalmente incerto. Foi engraçado ver a Emma entrar realmente nesse mundo de Contos de Fadas. 
Já que sempre a vimos de fora dessas histórias, e a capacidade dos atores sempre me surpreende. A maneira com que todos mudaram suas características foi fantástica. Quando conheci OUAT, fiquei apaixonada por uma característica da série: te surpreender no final de cada episódio, com os rumos que a história toma. Ainda bem que isso não mudou, e com o último episódio não poderia ser diferente. 
A viagem de volta ao passado foi uma espécie de autoconhecimento para Emma, já que ela não valorizava sua família como devia. Além de não compreender, como seus pais a amavam tanto. Nem preciso dizer que algumas cenas de humor fizeram toda a diferença. Assisti os dois episódios juntos, e nem fiquei cansada. 
O ritmo deixou a história interessante, sem fazer você ficar cansado da maior duração. Nem preciso dizer que Emma e Hook conseguiram, né? Além disso, eles finalmente se acertaram. Também foi legal ver algumas cenas do passado da Emma e rever o Neal. Falando nisso, uma grande homenagem foi feita a ele.
Mas, não tão rápido. Mais uma reviravolta. Emma e Hook trouxeram alguém do passado, que deveria ter morrido, mas que eles salvaram. Essa mulher é a esposa de Robin Hood. Para a tristeza de Regina. 

Confesso que fiquei estressada por ela ter sido sacaneada DE NOVO. E pela filha da mulher que a sacaneou da primeira vez. Eu não julgo a Evil Queen por ter se estressado. Mas, espera, mais uma surpresa.
Virou notícia em todos os lugares. A princesa Elsa de Frozen irá fazer parte da próxima temporada da série :D E ela não parece muito boa não, hein. Apesar de não ter mostrado, a princesa Anna também aparecerá. Agora, nos resta esperar até novembro. Ó vida. Volta logo, OUAT!
E aí gostaram? Vocês também ficam doidos com finais de temporada?

Fotos e gifs: Tumblr 

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Vídeos da Semana: Assuntos do Momento

Fotos: Google Imagens
Ontem, ao ler sobre as manifestações que estão eclodindo no Brasil, me lembrei das de Junho do ano passado. Na minha cabeça, faziam poucos meses que isso tudo tinha ocorrido. Mas, faz quase um ano. Foi aí que me dei conta. Já estamos quase na metade de 2014. A Copa já está aí, mesmo com os estádios estando prontos ou não.

No Vídeos da Semana de hoje, encontrei alguns vídeos que têm como tema A Copa do Mundo, já que este é o assunto do momento. E algumas campanhas, e vídeos que me surpreenderam nos últimos dias. Espero que vocês gostem ;)

Abertura Mundial da Copa - FIFA 2014
Mesmo com todo o destaque negativo (devido ao impacto social e político) que a Copa vem trazendo para o Brasil, uma coisa não podemos negar: O vídeo da chamada foi muito bem produzido, e talvez seja a produção que ficou mais próxima da nossa realidade. Utilizou pontos turísticos das cidades que são sede, e construções que são reconhecidas no país.

Awakening - New Zealand 
O vídeo é uma espécie de time-lapse (aquele tipo de fotografia que, quando é reproduzida a uma velocidade normal, corre mais depressa) de 4 meses. O efeito ficou incrível.

Becel - Na Batida do Coração
Em um casamento, foram medidos os batimentos cardíacos dos noivos, pais, padrinhos. Lucas Lima transformou essas batidas em uma música linda e emocionante. Ah, o comercial da Johnson Baby também segue esse estilo, de transformar batidas de coração em música.

FIAT - As Histórias Que as Ruas Escondem
Esse foi um dos comerciais mais criativos que eu já vi. O vídeo conta a história de amor que nasce nas ruas de São Paulo, mas acaba em tragédia. Se você gostou, a campanha ainda tem mais 2 vídeos, aqui e aqui

Billboard - Beyoncé vs. Pete Doherty
Aproveitando que a premiação da Billboard está chegando, a filial do Brasil, fez vários comerciais, mostrando como chegar ao Top 100 influencia a vida de artistas.

Gostaram? Como sempre, aceito indicações de vídeos ;) Nos comentários mesmo, ou pelo twitter.

quarta-feira, 14 de maio de 2014

Playlist da Semana

Foto: Google Imagens
Vou ter que confessar uma coisa. Fiz uma playlist com 8 músicas, mas apenas uma delas não sai da minha cabeça haha. A música Song For Zula da banda Phosphorescent não sai de mim. Deve ter sido porque eu a ouvi, quando assisti o Espetacular Homem-Aranha 2, e na cena Emma Stone e Andrew Garfield protagonizaram uma cena muito fofa. Então, eu viciei na música.

Não sei se isso acontece com vocês, mas quando eu assisto um filme ou uma série, e existe uma música que é muito boa, eu simplesmente me apaixono e a ouço por 6544654 vezes. Porque sempre me lembro da história, talvez esse seja o motivo de eu adorar musicais. Bom, a playlist está meio romântica, então não me julguem. Espero que vocês gostem (:

Jasmine Thompson - Drop Your Guard

Sarah McLachlan - Angel

One Two - Without You

Chris Ryan - Learn To Love

Madison Beer - Melodies

Phosphorescent - Song For Zula

Taylor Swift - I Almost Do

Katy Perry - Unconditionally

Boyce Avenue feat. Carly Rose Sonenclar - Say Something
Tem alguma indicação de música? Me mande nos comentários ou no twitter do blog.

terça-feira, 13 de maio de 2014

Filme: O Espetacular Homem-Aranha 2

Bom, eu sei que o Espetacular Homem-Aranha já está nos cinemas, desde o dia 1º. Mas, eu só parei para ver agora. E cara, que filme bom. Gostei tanto, que vou falar um pouco sobre o que eu achei, e tentar não dar spoiler hehe. Vai ser difícil, mas vamos lá.

Ok, o filme contou com o Andrew Garfield e a fofa da Emma Stone arrebentando como sempre. E pensando no ponto de vista sentimental, eles estão passando por uma fase meio complicada. 

Se você se lembra do último filme, Peter havia prometido ao pai de Gwen, que se afastaria dela, mas também vimos que ele simplesmente não conseguiu cumprir a promessa. E nesse filme, vemos como ele está lidando com isso. 
Além disso, Gwen se mudará para Inglaterra ~ spoiler ~, o que fará com que eles façam uma escolha. Os dois continuam com a mesma química do primeiro filme, afinal, os atores são namorados na vida real. 

Peter está - literalmente - dando seu sangue por Nova York, ajudando as pessoas. Porém, novamente, ele é mal-compreendido. Todos acreditam que ele esteja causando muitos estragos, e que ele deveria deixar a polícia fazer o trabalho dela. OK.
Vamos falar sobre os vilões. O primeiro e mais divulgado é, nada mais que o ator Jamie Fox, interpretando o Electro, que também se chama Max. Ele é um cara "invisível" para todos, além de ser humilhado na empresa Oscorp. 

Peter o salva de um acidente, e diz que ele é especial. E como Max, é carente por não ter recebido abraços na infância (minha conclusão), ele se torna o fã nº 1 do Homem-Aranha. Muito fofo, certo? Não!
Como já dizia minha mãe, tudo em excesso faz mal. E com ele, não seria diferente. Max sofre um acidente duplo, com cabos elétricos, e depois sendo mordido por enguias elétricas. Não sei se ele é azarado por ter sofrido o acidente, ou se é sortudo por ter sobrevivido. 

O que acontece, é que Max se transformou no Electro. E agora, consegue absorver energia de qualquer lugar. Mas, ele ainda é o Max, doce e gentil, que é Team Homem-Aranha. 
Só que quando, ele sai desorientado na cidade, atraído pelas luzes, ele recebe atenção. Não a atenção legal, né? E por não saber controlar seus poderes, quase mata sem querer querendo várias pessoas, e quem salva toda a galera? O Homem-Aranha. 

O que faz com que o Max surte de vez, é ver como seu ídolo não se lembra dele, e como este rouba sua atenção. Já viram, né? Virou vilão. Não vou falar mais nada! Até porque já contei QUASE tudo kk.

Peter reencontra seu velho amigo de infância, Harry Osborn (interpretado pelo sádico Dane Dehaan haha, brincadeira), que acabou de perder o pai, o dono da empresa Oscorp. E os dois voltam a ter contato, porém Harry (que agora é dono da empresa) está morrendo. 

E ele acredita, que somente o sangue da aranha radioativa (que mordeu o Peter) poderia salvá-lo. O que faz com que Peter fique entre a cruz e a espada.
Em meio a todos estes problemas, também vemos o que realmente aconteceu com os pais de Peter. E o por quê deles terem fugido. E sabe quando você descobre algo que é super OMG, e que faz todo o sentido, isso acontece hehe. 

Os efeitos foram perfeitos. Muito bem trabalhados e superiores ao primeiro filme. Também né, dois anos se passaram. Tem cenas de câmera lenta, que dão uma maior atenção a detalhes, que não poderiam ser vistos em velocidade normal. 
E a trilha sonora? PQP (Desculpa mãe). Para dar maior ênfase ao poder do Electro, eles compuseram várias músicas com som de guitarra, que eram tocadas no mesmo momento que o personagem lançava raios. 

Eu quase entrei em colapso durante o filme, de tão bom que ficou. Sério, esses detalhes fizeram uma enorme diferença entre um filme bom e um filme excelente. 
Ele ainda teve uma duração maior que o esperado, de 2h20 min. O tempo foi o ideal para contar toda a história, de um jeito que as coisas não fossem metralhadas para os telespectadores. 

Existe uma parte triste, sim. Muito triste! Provavelmente, seu amigo já te contou, não é? Mas eu não vou fazer isso, não. Vou deixar em off, e sofrer em silêncio aqui. Só posso deixar claro que achei injusto, mas ok.

Se você ainda não viu o filme, corre para os cinemas. E enquanto isso não acontece, assiste de novo o trailer. E se você assistiu, vamos esperar o próximo ;)

Fotos: Google Imagens
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...