sábado, 5 de abril de 2014

Teatro do Absurdo

Oi, galera. Bom, provavelmente vocês não sabem, mas eu faço aulas de Teatro. Comecei no ano passado pra perder a timidez, mas acabei gostando da coisa, então resolvi continuar. E nesse ano, o lugar onde eu faço aula, estabeleceu que cada turma irá trabalhar um tema diferente. A minha turma ficou com o Teatro do Absurdo. Alguém aí já ouviu falar?

O Teatro do Absurdo foi criado na segunda metade do Século XX, após a Segunda Guerra Mundial pelo crítico Martin Esslin, ao colocar sob um mesmo conceito obras de dramaturgos completamente diferentes, mas que também fugiam da realidade.

O Absurdo tem a ver com que é contrário á razão, contraditório. O gênero descende do Surrealismo e do Anfi-Teatro. Depois de assistir a um filme do gênero, percebi que todo mundo conhece o tal Absurdo, porém nem todo mundo se dá conta disso. Eu explico.

Sabe aquela série ou vídeo de humor, que parece não ter sentido, mas na verdade, é uma crítica social? Então, isso é Teatro do Absurdo. Pela minha descrição, vocês devem ter pensado em algo parecido, não?

Resolvi dar alguns exemplos de séries que foram influenciadas por esse tema.

Gilmore Girls 
Com diálogos tão rápidos, que quem não é acostumado a ler legendas até sente dificuldade ao assistir a série, Gilmore Girls é bem influenciada pelo Movimento. Muitas vezes, ao assistir, eu me perguntava como os atores conseguiam decorar grandes falas, que eram seguidas pelas de outros personagens, era um verdadeiro jogo de cintura. É claro que tudo ficava muito engraçado.

Chaves
Chaves dispensa comentários, não é? Digamos que algumas conversas sem sentido entre os personagens (que eram a graça do seriado) são do Teatro do Absurdo. Como assim? 

Acontece que aquelas falas consideradas idiotas por alguns, eram recheadas de repetição de palavras e informações, gerando o humor absurdo.

Porta dos fundos

Bom, esse todo mundo já conhece. Aquela cena que pode parecer absurda, mas faz sentido. Digamos que esses vídeos explique bem a influência do Teatro do Absurdo.

Alice no País das Maravilhas
Alice no País das Maravilhas é uma das obras literárias mais absurdas da história. Todo mundo já reparou que os elementos utilizados no enredo são bem sem sentido, certo? A linguagem e simbolismo de Lewis Carrol vieram deste Movimento.

E aí gostaram? Se você lembrou de alguma série, filme ou livro que se pareça com o Teatro do Absurdo, escreva nos comentários ;)

Fotos: Google Imagens

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pode comentar que eu não mordo :P

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...