Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2015

Sítio no Interior e Reflexão Sobre Cidades

No comecinho de Junho, viajei para Itararé (interior de SP) novamente. Eu sempre vou pra lá, até já falei um pouco sobre a cidade no Natal, mas a viagem foi um pouquinho diferente dessa vez.  Por motivos de: Me desliguei do celular (e consequentemente da internet) pra valer, cheguei até a não levá-lo para casa dos parentes haha. Tudo para socializar um pouco mais com o pessoal que eu não vejo tão frequentemente.  E olha, foi a melhor ideia que eu tive em muito, muito (não tenho muitas boas ideias hehe) tempo. Recomendo pra quem puder, faz toda diferença.  Bom, além do fato de eu ter me desintoxicado desse mundo virtual, também visitei um sítio que era totalmente afastado da civilização. E nossa, que sensação boa ♥  Na fazenda que eu fui (sim, era um fazenda de verdade!), havia muitos animais e eles eram super acostumados com pessoas, não sentiam medo da gente sabe? Não se assustavam nem um pouco com a nossa presença. Sinal de que estão sendo bem cuidados.  Bom, também havia uma plantação d…

Você sabe o que é Guilty Pleasure?

Há alguns anos atrás, vi a seguinte expressão em uma série (tá, foi em Glee): Guilty Pleasure. A tradução livre explica que ela se refere a algo que você gosta, mas que não é considerada como algo legal/bacana na sociedade, fazendo com que você se sinta meio culpado/envergonhado por isso. 

Confesso que eu sou a rainha do Guilty Pleasure, gosto de tanta coisa que é considerada boba, que olha, a lista é grande. Desde cantores pop a séries consideradas ruins. O legal de esconder esses gostos da maioria das pessoas é encontrar gente que te entenda (te aceite haha) e que compartilhe a mesma paixãozinha secreta com você. 

E olha, quando isso acontece, é extremamente libertador poder ouvir (sem vergonha) aquela música que todo mundo zoa :) Pensando nisso tudo, resolvi fazer uma lista de coisas que se encaixam nessa expressão e assumir (nem que seja aqui no blog) algumas delas. Quem sabe um dia eu não assumo na vida real também? haha.
Musicais
Desde a primeira vez que assisti a um musical (foi Hi…

Inquietações da Madrugada

Já são quase duas da manhã. E eu já deveria estar dormindo. Mas estou aqui. Cheia de dúvidas e questionamentos. Com pulgas, carrapatos e um zoológico inteiro atrás da orelha. Cobrando dos amigos respostas de perguntas que eles não sabem como responder. Afinal, quem é que sabe? 

Por mais que o mundo diga que é preciso se arriscar em relação aos sentimentos, meus pés (bem grudadinhos no chão) não conseguem seguir tão facilmente esse conselho. Minha natureza desconfiada não deixa.  

É como se eu fosse aqueles juízes que precisam decidir se alguém é culpado ou inocente. Preciso de fatos concretos, de provas. E isso ninguém pode me dar. Então, eu fico simplesmente aqui parada. Consumida pela dúvida. Entre quem você realmente é e o que falam de você. 

Já cometi o mesmo erro e me lembro claramente de prometer a mim mesma para não ouvir mais as vozes alheias. Mas tá difícil. O medo de me machucar fala mais alto. Eu sei que é besteira, eu posso aguentar. Porém a facilidade de fugir é tão mais fác…

VLOG: Conselhos Amorosos

Bom, o Dia dos Namorados chegou \o/. Aguardado por uns, detestado por outros ou até mesmo sendo ignorado por boa parte da galera, a data querendo ou não, faz a gente refletir sobre antigos e novos relacionamentos.
Pensando nisso, resolvi compartilhar com vocês, algumas coisinhas que aprendi nos últimos tempos sobre o assunto. Eu não sou aquela pessoa super entendida, mas confesso que quebro alguns galhos quando dou conselhos para os amigos :)
Decidi fazer em formato de vídeo, por motivos de: faz tempo que eu não gravo e fica bem mais legal né? Espero que vocês gostem ou que sei lá, alguma dica minha ajude quem tá precisando.

Bom, como eu disse no final no vídeo, se você está com algum problema e simplesmente não tem ninguém com quem desabafar, saiba que eu ficaria honrada de ouvi-lo. 

Você pode escrever nos comentários daqui, no do youtube ou até mesmo me mandar um e-mail! Vai lá na página de Contato que você vai saber como me achar.
Se alguém aí gostou desse tipo de vídeo, me dá um joinha…

Playlist para Amar ♥

Quem me conhece, sabe que eu sou apaixonada por músicas deprês. Acho que é porque eu adoro conhecer a vulnerabilidade das pessoas e, na maioria das vezes, isso transparece mais em músicas tristes e lentas do que as felizes e agitadas. 

Como os posts dessa semana são sobre o amor, decidi fazer uma Playlist que inspire quem está (ou não) sob o efeito da ocitocina. A maioria das músicas são bem antigas, mas as letras são tão verdadeiras que dá vontade de tatuar no corpo. 

Conheci muitas delas em filmes e séries e elas meio que passaram a me acompanhar na vida. Lembrando que faltaram muitas na lista, mas eu só queria escolher 8. Aí estão minhas favoritas, espero que elas te inspirem vocês tanto quanto sempre me inspiraram (:

Jimmy Eat World - Hear You Me
Ed Sheeran - Give Me Love
Amos Lee - Colors
Joan Armatrading - The Weakness in Me
James Blunt - Same Mistake
Os Paralamas do Sucesso - Aonde Quer Que Eu Vá
Chris Isaak - Wicked Game

Lady Antebellum - Need You Now E aí já conhecia algumas delas? Meio…

TOP 5: Casais de Filmes

Eu particularmente não ligo para o Dia dos Namorados, já que pra mim, ele é só mais um dos dias do ano em que você pode mostrar o quanto se importa com alguém. O que acontece é que, por mais que eu não acredite em todo esse blá blá blá, foi daí que eu tirei a inspiração para os posts dessa semana. 
Passei o mês de Maio me sentindo culpada por não postar o quanto deveria por aqui, mas decidi mudar essa situação agora em Junho :) Os posts dessa semana serão sobre o amor e não sobre a data (12 de Junho) em si.
No ano passado, fiz um post, nessa mesma época, sobre os meus casais favoritos de séries, e no de hoje, passei para os dos filmes (: Dá uma olhada nesses 5 que foram super difíceis de escolher.
Peter e Gwen - O Espetacular Homem-Aranha
Eu meio que amo esses dois. Inteligência é um negócio que cativa e nesse quesito, os dois têm de sobra. E olha, química também (tanto é que são namorados de verdade haha). O Peter e a Gwen tinham problemas, mas era legal como sempre se ajudavam, com um ó…

A Beleza do Erro

Quando eu tinha 13 anos, me apaixonei por um carinha do colégio. Na época, eu não sabia o que era tudo aquilo que eu estava sentindo (e confesso que ainda não sei quando acontece). Some essa inexperiência a quantidade de filmes de comédia romântica que eu assistia. Sim, péssima combinação. 
Me lembro de querer namorá-lo e fazer todas aquelas coisas que eu via os meus personagens favoritos fazendo. Só que havia um porém no meio disso tudo. Eu gostava dele, mas em segredo. 
Ele sabia, minha sala sabia. Mas de alguma forma, nós não chegávamos a ter uma real conversa. Não sobre o fato de gostarmos um do outro, mas sobre coisas simples como o fato de eu também adorar Coldplay. 
Um beijo aqui, outro ali. Que apenas alimentavam a minha ideia de primeiro amor, mas que no fundo, não passavam de ilusão. Eu não conhecia ele como pessoa e apenas o via como um personagem do meu próprio filme. Nada mais. 
Quando ouvi um boato sobre o que a minha paixonite falava de mim, foi como se aquele meu castelinh…

Fotografando #5

Maio foi difícil. Tive uns probleminhas de saúde (nada muito sério), mas que me fizeram prestar mais atenção em como eu trato meu corpo. Não tenho orgulho em dizer que sou sedentária e que não como coisas saudáveis.
Digamos que o mês foi dedicado a mudar alguns dos meus hábitos que não estavam me fazendo bem. Também senti que precisava mudar mais alguma coisa. Depois de tantas voltas, descobri que queria trancar a faculdade, pra valer. 
Isso tudo fez com que eu me perdesse com as postagens e até mesmo com os estudos. O lado bom desse Maio complicado foi conseguir voltar a escrever. Era algo que eu estava tendo uma certa dificuldade há algum tempo. 

Mas acho que finalmente consegui encontrar o caminho de volta até as palavras (: Que Junho seja repleto de estudo, crônicas e muita música! Okay, vamos parar com a conversa fiada e ver as fotos do mês.
Bom, o pôr-de-sol já é algo normal por aqui. Mas sério, o desse dia foi um dos mais lindos que eu já vi. Lembro até de ter ficado meio desespera…